Amargo e Doce Desejo
"O desejo é uma força poderosa que pode ser usada para fazer as coisas acontecerem!"
15 de Abril de 2015

A nossa mente é um mistério infindável, que nos transporta variadíssimas vezes a locais nunca antes visitados, mas muitas das vezes já imaginados, desejados ou sonhados.

Tudo aconteceu porque ambos queriam. Deixaram-se aproximar cada vez mais e os diálogos trocados de dias a dias sem conta, deram vez a encontros bem mais excitantes.

 

Este aconteceu dentro de um carro.

Sózinhos num local deserto nada temiam, sabiam que tudo ou nada poderia acontecer. O nada à partida estava excluído, daí o tudo ser a única coisa que estava por vir.

Dentro do carro, começaram por ter a tipíca conversa da "treta" como se costuma dizer, um bla bla mais ou menos disperso e curto, porque o que na realidade queriam fazer era tudo, menos gastar o tempo com conversas sem interesse.

 

Num instante as provocações verbais passaram a ser provocações corporais, sentidas na pele. Um toque aqui, outro ali, um aproximar de rostos e o primeiro beijo já está a ser liderado por duas línguas quentes, ávidas e muito provocadoras.

Esse foi o ponto de partida, para que ambos se deixassem levar pelo momento, os corpos cada vez mais próximos, os toques cada vez mais íntimos e o ar que se respirava dentro daquele carro deixou de ser oxigénio e passou a chamar-se tesão!

Sim, tesão em estado crescente. Ambos estavam ali com uma missão, a descoberta do prazer.

tumblr_moi2i9fCBF1rk4zcfo1_500

 

Ele, não perdendo tempo vai de encontro aos seios dela, passa-lhes as mãos, e sente-a receptiva, quer apoderar-se do corpo dela, quer ver e sentir como é que ela reage ao toque dele.

Ela, por sua vez quer o mesmo, agarra-o pelo pescoço, entrega-se de língua na boca dele, passeia as suas mãos pelo seu corpo e naquele momento o que mais deseja é sentar-se no colo dele.

Sente-se atrevida e decidida, e num ápice ela mesmo faz questão de descer um pouco a roupa da cinta para baixo, quer facilitar os movimentos. Ele apenas a observa, delicia-se com a ousadia dela e empolga-se a imaginar no que ainda estará por vir dentro de pouco tempo. Desaperta as calças...

 

Ela, tal como queria senta-se em cima das pernas daquele homem, mas, a pedido dele, sentou-se de costas. Não foi preciso comandar as mãos dele para onde ela desejava, porque ele espontaneamente o pôs em prática, com uma mão num dos seios, e a outra, descia por ela abaixo ao encontro do seu sexo.

 

Queria muito senti-lo, passar-lhe a mão, tantas vezes desejou esse momento e hoje estava a acontecer, queria desfrutar ao máximo, queria ter a certeza que lhe daria prazer e de facto estava a conseguir dar-lho. Ela deixou que ele tomasse conta daquele rata já toda molhada, queria por momentos ser um pouco egoísta e ter aquele prazer só para ela. O prazer manifestado por ela, duplicava a excitação sentida por ele. Os gemidos vindo da boca dela, ecoavam-lhe os ouvidos num som afrodisíaco...ao mesmo tempo que ele a penetrava com os seus dedos, ela roçava o rabo no pau dele, os boxers já estavam manchados da humidade dela, ela queria muito sentir aquele pau, mas sabia que se se deixasse ficar assim, ele iria fazer com que ela atingisse um orgasmo com os seus dedos, mas ainda era cedo, pensara ela, queria desfrutar mais. 

 

Sai de cima dele e deixa um pouco de lado a sua parte egoísta e tenta proporcionar-lhe o máximo de prazer possível, provocando-o, beijando-o da "cabeça à cabeça", apodera-se da boca dele, queria mostrar-lhe que também ela sabia e queria comandar, foi descendo aos poucos, pelo seu tronco abaixo. Com a sua língua, lambia-o, beijava-o, mordiscava-o, apalpava-o, voltava a subir para se roçar no sexo dele e com a sua mão apoderava-se também daquele pau, ora com as mãos, ora com a boca, enquanto nos intervalos lhe dizia uma ou outra obscenidade. Cada vez mais, os olhos húmidos dele, mostravam que estava a sentir muito tesão. Pede-lhe que se sente de novo no colo dele, quer penetra-la....ela, mázinha sai do carro, pela porta do condutor, vira-lhe as pernas para fora, agacha-se e começa a chupar aquele pau até o sentir no auge.

tumblr_m09v2qDOeO1rqa98ko1_500

Brinca, lambuza, mordisca, suga e mete bem fundo aquele membro dentro da sua boca, sentia que estava na hora. Senta-se de novo em cima dele e aos poucos vai deixando-se "enterrar". Aquela sensação era indiscritivel.

 

Agora já não há volta a dar, o que não se fez ainda se pode fazer e o que se está a fazer é na hora certa. Arrependimentos nao entram neste tipo de jogo.

Ela está doida, cheia de tesão, cavalga em cima daquele pau hirto, enquanto lhe pede que a foda com força, pede mais, geme, contorce-se, quer poder afastar mais as pernas, mas o espaço não deixa, pede-lhe que a morda nos mamilos, agora com mais força, fica fora de si e a cara de prazer dele é medonha, está deslumbrado por poder visualizar e sentir tão perto aquele acontecimento tão luxúriante.

E entre mais uns ais, e hummmms, aquela doida já não consegue travar mais e atinge um orgasmo intenso...

 

Agora chegou a vez dele, ela continua em cima a liderar, ele não se importa, e pede-lhe que se venha dentro dela, quer sentir os seus fluídos a escorrerem-lhe pelas pernas.

 

Recomeça a "cavalgaria", pede-lhe de novo que a foda, e a dada altura sente que vai atingir outro orgasmo, mas não quer, queria aguentar-se um pouco mais e esperar por ele para se poderem vir juntos, nem sempre é fácil, mas quando acontece é algo de muito, muito bom!

Tenta controlar-se para conseguir, mas já é tarde...já sente as suas paredes vaginais a contrairem e geme tão alto que quase fica sem voz e cai exausta sobre o peito dele, onde parece que o coração lhe vai sair pela boca.

 

Tem os joelhos doridos por estarem a bater nos lados do banco, pede-lhe que ele se venha na boca dela e ele diz que não, que não saia para já de cima dele, quer poder senti-la mais um pouco. E de seguida, ele diz-lhe que se quer vir não para cima das suas mamas, mas sim no meio delas!

tumblr_me7kboPCdf1rjh65bo1_500

Ok...vamos lá tratar da espanholada como deve ser e com mestria ela aperta-as contra o seu pau, dando continuidade ao que ele queria, ela não desistiu até que o ouve dizer: "vou-me vir" e aquele orgasmo foi tão intenso que a atingiu no rosto.

Ficaram ali deliciados com o acontecido, limpam-se, recompõem-se e quem sabe se voltam a encontrar-se num próximo sonho!

 

 

 

publicado por Palomina às 14:25 link do post
21 de Outubro de 2014

Hoje na página da rfm, vi que era dia de cantar no carro.

Confesso que sou das que canta enquanto conduz, o que às vezes se torna super divertido, quando nos observam...(ou não)!

Mas, o que gosto mesmo mesmo...é de cantar no carro com microfone! 

Embora às vezes, este faça um pouco de ruído...tipo uns hummmms...e uns ahhh ou aiis!

Ah, pois é!!

 

publicado por Palomina às 14:54 link do post
tags:
09 de Setembro de 2014

...adoro carros grandes?

Porque será?

publicado por Palomina às 16:58 link do post
tags: ,
Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
subscrever feeds
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D

2015:

 J F M A M J J A S O N D

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

Blogs da concorrência que sigo
Wolf
Posts mais comentados
15 comentários
14 comentários
4 comentários
Nota:
Todas as imagens deste blog são retiradas da internet.
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
https://verdade-rigor-honestidade-diferente.blogsp...
Adoro usar um masturbador enquanto leio os contos ...
Eu levo minha namorada pras casas de swing todo mê...
E já agora, este blog está inativo, caso queiras c...
Olá Popeye!Não sei se sabes mas respondeste em ano...
Desculpa, apenas uma nota. este mail é também o me...
Olá Palomina,Gostava de te agradecer o texto. Agra...
Olá,Estou neste momento a elaborar a minha dissert...
visitem as minhas sex shopswww.prazer4u.orgwww.pra...
Já lá fui, e vou linkarOnde posso seguir.deixa rec...
blogs SAPO